Rindo dos causos da vida: de Gripe A até conversas bizarras de rádio no Ceará

14 08 2009

Olá pessoal, tudo joia?

Fazia um tempinho que não postávamos coisas bem humoradas de sites reconhecidos nacionalmente como o Kibe Loko. Pois bem, resolvemos resolver isso e ajudar a você ter um ínicio de fim de semana mais divertido com algumas peripécias achadas por lá, veja:

Para finalizar tinhamos que falar de coisas regionais né. Então segue 2 videos sobre a nossa nova amiga Gripe A, já que o pessoal aqui da cidade resolveu virar zumbi e suspender a vida social Preventivamente por conta dessa nova moda entre a saúde pública.

[Qualquer semelhança com David after the dentist não é mera coincidência,ok?]

Abraços e afagos

Anúncios




Antecipando a nova safra de bons filmes: Alice no País das Maravilhas

23 07 2009

Olá pessoal tudo joia?

Esta semana comentou-se muito sobre um Teaser que foi lançado sobre um filme que irá para as telonas em 2010: Alice no País das Maravilhas.

O que para muitos pode parecer um filme infantil bobo, a produção do material do teaser, os atores, os efeitos especiais e lógico a clássica e bela história da Alice impressionou muitas pessoas, inclusive o pessoal aqui do Blog.

Alguns que inclusive não tiveram um contato De Fato com esta história (ficaram apenas no “ouvi dizer que…”, né dona @nanda_nogueira!), com certeza vai adorar e muito este filme.

Segue o teaser legendado.  Nos encontramos em 2010 na fila do cinema, certo?

Abraços e afagos





Pequenas férias, bons descansos.

15 07 2009

Olá pessoal, tudo joia?

Como estamos em pleno mês de julho e para alguns estamos falando de férias, ou pelo menos de algum tipo de recesso, resolvemos falar neste post de Entretenimento de Viagens. E justamente porque não é todo mundo que tem 30 dias inteirinhos de férias, viagens curtas são uma boa e barata pedida para quem quer descansar.

Por isso apresentamos um roteiro de férias para cidades da região do Triângulo Mineiro, feita pelo pessoal da Rede Integração (afiliada Rede Globo) aqui em Uberlândia e divulgado no MGTV e também no portal Megaminas.

Para as pessoas de outras regiões, informamos que toda visita é bem vinda ok?

VER VÍDEO

Abraços e afagos





Estratégia da Disney para pequenas empresas. É muito mais fácil do que se imagina.

14 07 2009

Olá pessoal tudo joia?

disneylogo

Uma das empresas mais impressionantes que se tem noticia, principalmente pelo fato de usar o entretenimento como um negócio diferenciado, criativo, com estratégias supersimples cujo o objetivo maior é fazer o seu cliente, o seu foco e oferecer o melhor serviço para que ele volte e sempre fale bem (Alguém duvide que essa estratégia funciona por lá?).

Sobre esta forma estratégica e inovadora de gerir um negócio surgiram vários livos a reespeito deste assunto como:  “Nos Bastidores da Disney” de Tom Conellan (Editora Futura) e Criando Magia” de Lee Cockerell (Editora Sextante). E como todo livro de cases de sucesso de negócio tem sempre as dicas básicas que, por mais que tenham pessoas que odeiam dicas, são lembretes que podem valer a pena, e bem aplicáveis em qualquer empresa.

Aqui apresentaremos as dicas do livro “Nos bastidores da Disney” (by Administradores.com.br):

bastidoresdisney

Lição n. 1 : “Concorrente é qualquer empresa com a qual o cliente compara à nossa”.
Já começamos abalando as estruturas das lições básicas de marketing e negócios. Afinal, ensina-se que o concorrente é apenas aquele que atua no mesmo negócio ou ramo que a sua empresa. Já percebeu que devemos rever este conceito.

Se formos observar, esta análise é muito correta, afinal, a partir do momento que seu cliente faz um comparativo da sua empresa com qualquer outro produto, serviço, empresa, neste momento há a possibilidade real que ele prefira o tal outro porduto/serviço/empresa. Da mesma maneira, os clientes internos, seus colaboradores também comparam a sua empresa com as outras nas quais já trabalharam. Colaborador motivado, passará essa motivação no atendimento ao cliente externo.

Lição n. 2: “ Fantástica atenção aos detalhes”.

Sabe aquela famosa experiência ping-pong de call center, que você escuta 300 vezes de pessoas diferentes: “vou estar te transferindo”  e não resolve nada? O foco é  a atenção aos detalhes, investindo recursos em qualquer coisa que afete a experiência de seus convidados, tanto a curto como a longo prazo.


Lição n. 3: “Todos mostram entusiasmo”. Lição n. 4 : “Tudo mostra entusiasmo”.

Resolvemos colocar essas 2 lições juntas pois um complementa a outra. Na cultura da Disney é de praxe e essencial que a experiência do cliente seja perfeita do começo ao fim. Para isso é muito importante que cada elemento da sua equipe e todo o clima da empresa esteja inserido neste processo.

A idéia é:  Quando o cliente entra em contato com sua empresa, você tem a oportunidade de criar valor.

comunicate


Lição n 5: “ Múltiplos postos de escuta”.
Aqui o elemento base é: escute seu cliente. E não apenas naquelas famosas (e algumas chatissimas) pesquisas de opinião. Vai desde reclamações em cartas, emails, telefones, sites, até (e principalmente) comentários, reclamações, dentro da própria empresa. E não apenas de clientes, mas também dos seus clientes internos (colaboradores), afinal, “se deixamos de lado as informações coletadas pelos funcionários, estaremos menosprezando a fonte de informação mais valiosa de que dispomos.”

Lição n. 6 : “Recompensa. Reconhecimento e Comemoração”.
As pessoas tratam os clientes do mesmo modo como são tratadas. A melhor maneira de lidar com recompensa e reconhecimento é: ponha-se no lugar do funcionário. E isso pode ser tanto através de ganhos do tipo “renda econômica”: salário, bônus, benefícios adicionais, descontos e assim por diante. como também do tipo “renda psicológica”, que inclui elogios, cartas de agradecimento, cerimônias de reconhecimento e festas.

E como se consegue esses ganhos? FEEDBACK

A ausência de feedback = diminuição de comprometimento.  O importante é que aconteça o reconhecimento pela contribuição de cada um. Há uma correlação muito bem definida na satisfação do funcionários e na satisfação dos clientes.

Lição n. 7 : “Todas as pessoas são importantes”
Isso pode ser resumido como: EQUIPE. Na Disney, há empenho e compromisso por parte da equipe com os clientes e também compromisso com a equipe.

Para aqueles que precisam de maiores explicações, segue um vídeo bem simples e prático:

Lição n. 1 : “Concorrente é qualquer empresa com a qual o cliente compara à nossa”.

Esta lição certamente, provoca uma mudança na maneira como as empresas administram a concorrência. Devemos lembrar que um concorrente não é somente o banco do outro lado da cidade ou a distribuidora de bebidas na mesma rua ou na cidade vizinha. Concorrente é qualquer um com quem o cliente tenha contato e o compare a outra empresa. Assim, quando a concorrência for mais eficiente, elevando a satisfação dos clientes acima daquela proporcionada por sua empresa, você meu caro empresário, poderá sofrer prejuízos com essa competição. Da mesma maneira, os clientes internos, seus colaboradores também comparam a sua empresa com as outras nas quais já trabalharam. Colaborador motivado, passará essa motivação no atendimento ao cliente externo.

Lição n. 2: “ Fantástica atenção aos detalhes”.

Será que a atenção aos detalhes faz parte da cultura de sua empresa?

Você já deve ter experimentado ir ao banco para solicitar uma guia de depósito e, naquele momento não havia mais nenhuma no balcão de atendimento. O funcionário também não sabia dizer de quem era a responsabilidade por sua reposição. Esse é um pequeno detalhe , mas que faz toda a diferença. Na Disney, a atenção aos detalhes faz parte da cultura da empresa, investindo recursos em qualquer coisa que afete a experiência de seus convidados, tanto a curto como a longo prazo. Os funcionários, denominados de membros do elenco, estão sempre mudando e limpando móveis, varrendo a calçada, operando carrinhos de algodão-doce, cachorro quente. Todos estão satisfeitos com o seu trabalho e com a experiência quanto as pessoas a quem estão servindo. Os clientes externos são chamados de convidados e escutam música estimulante e alegre , pela manhã, enquanto no final da tarde, a música é mais calma.

Lição n. 3: “Todos mostram entusiasmo”.

A cultura da Disney diz: ajude o cliente, resolva o problema do cliente, isso se aplica a todos na empresa. Cada um dos membros do elenco deseja ajudar os convidados a desfrutarem ao máximo a sua visita. Do pessoal que trabalha no estacionamento às bilheterias. Contadores, engenheiros, produção e vendas, supervisão, finanças e atendimento. Quando o cliente entra em contato com sua empresa, você tem a oportunidade de criar valor.

Lição n. 4 : “Tudo mostra entusiasmo”.

Na Disney, quando os convidados chegam, pela manhã, ouvem música animada; os membros do elenco recebem os convidados com vitalidade. À noite, porém, a música é suave; os membros do elenco agem com tranquilidade. Essa diferença é planejada e proposital. A idéia é entrar em sintonia com o humor dos convidados.

Lição n 5: “ Múltiplos postos de escuta”.

As pesquisas são importantes, mas, é igualmente importante usar outras fontes que também lhe digam como está se saindo. Na verdade, você tem de ouvir o cliente, entrevistando-o e procurando outras fontes de informação, para saber mais sobre o desempenho da sua empresa. Se deixamos de lado as informações coletadas pelos funcionários, estaremos menosprezando a fonte de informação mais valiosa de que dispomos.

Lição n. 6 : “Recompensa. Reconhecimento e Comemoração”.

As pessoas tratam os clientes do mesmo modo como são tratadas. A melhor maneira de lidar com recompensa e reconhecimento é: ponha-se no lugar do fucnionário. Ele precisa ganhar a vida. Essa é a renda econômica: salário, bônus, benefícios adicionais, descontos e assim por diante. Em seguida, há a renda psicológica, que inclui elogios, cartas de agradecimento, cerimonias de reconhecimento, comemoraçoes e festas. As pessoas necessitam das duas formas de renda. Para isso é preciso que exista o comprometimento, em relação com o feedback. A ausência de feedback faz com que as pessoas deixem de lado o comprometimento. Todos na empresa devem mostrar reconhecimento pela contribuição de cada pesoa. Pode ser alguém que trabalha para a empresa; pode ser um funcionário de outro departamento; pode ser um fornecedor; pode ser um cliente que ajuda a empresa a melhorar aquilo que ele deseja. O importante é que aconteça o reconhecimento pela contribuição de cada um. Há uma correlação muito bem definida na satisfação do funcionários e na satisfação dos clientes.

Lição n. 7 : “Todas as pessoas são importantes”

Na Disney, tudo acontece com o resultado do trabalho em equipe. Todos estão empenhados em prestar um serviço de excelência no atendimento ao cliente, que encante as suas expectativas mais elevadas. Na Disney existe um compromisso com os membros do elenco. Existe um cartão de identidade e de relacionamento com o cliente interno, garantindo descontos em restaurantes, cinemas, concertos e eventos esportivos.

Para aqueles que precisam de maiores explicações, abaixo um vídeo simples e bem prático do jeito Disney de ser:

Abraços eafagos





Homenagens divertidas e singelas da semana

8 07 2009

Olá pessoal tudo jóia?

Resolvemos fazer uma pequena homenagem aos moços lá de Brasília através de vídeos e tirinhas. Já avisamos que não é nada pessoal,ok?

atossecretos243

(via @blogdolanca – Um Blog de Uberlândia de Entretenimento que vale muita a pena visitar)

Para não ficar um post de Entretenimento só com pessoas legais como essas, vamos finalizar com uma imagem de uma pessoa, que acreditamos que profissionalmente, musicalmente fez muita diferença e vai fazer, sim, falta:

keep-moonwalking

(via Kibeloco)

Abraços e afagos





Tranformando sua casa em Igreja. É possível?

1 07 2009

Olá pessoal tudo joia?

Muitas pessoas dizem que não precisa de religião para ter e cultivar a fé, bem como para estar, conversar e conviver com o “Papai do Céu”. Até aí, tudo bem. Mas quando há pessoas que fazem da sua casa a extensão L-I-T-E-R-A-L do Igreja, Templo (ou algo do tipo)?

Foi isso que aconteceu em Northumberland (um condado – estado –  situado ao norte da Inglaterra). Um casal teve a idéia de adquirir uma igreja antiga nesta região e restaurá-la para fazer dela sua moradia. Veja bem, dissemos Restauração e não Reforma (que ficaria beem mais barato). Achamos essa história tão diferente que resolvi postá-la aqui (para ver post original clique aqui)

Duvida? Veja as fotos e tire suas conclusões.

Abraços e afagos





A sua fome tem cara de quê?

18 06 2009

Olá pessoal tudo joia?
Em uma ação bem humorada e divertida na internet, o pessoal da Ajinomoto criou um site bem sugestivo para o Vono (Sopa Individual): Crie seu Break.

Exemplo de foto montada no Site

Exemplo de foto montada no Site

O objetivo é as pessoas brincarem com a própria foto, mostrando como ficam quando estão com fome, pondendo inclusive postá-las em midias sociais como Facebook e Twitter – e caso queriam – participam da galeria de fotos já feitas por outros consumidores e visitantes do site, e de quebra essas fotos podem ser votadas por outros usuários.

A idéia da campanha é estimular as pessoas a “criarem o seu break” para matarem a sua fome, mesmo que seja rapidinho, como é o preparo do produto.

Acessem e criem seu próprio break!

Abraços e afagos